terça-feira, 12 de setembro de 2017

Morro Açu (Acampamento)

Pernoite no Morro Açu com direito a lua cheia e nascer do sol!

Morro Açu - Foto: Roberto Bessa
Cachoeira do Alicate
Foto: Roberto Bessa


     Nosso roteiro principal era fazer a travessia até Teresópolis, mas por motivos alheios a nossa vontade (que não vou entrar em detalhes) decidimos só pernoitar no Açu. A subida até o Açu é pesada, ainda mais com uma cargueira nas costas com barraca, comida, roupas, e no meu caso equipamento fotográfico (rsrsrs), só que minha mochila estava tão cheia que ainda fui com o estojo de cintura cheio e mais algumas coisas que tiveram que ir penduradas.


     Bom, para chegar até o morro Açu, eu já descrevi aqui (clique para ver), vou descrever a experiência de acampar naquele lugar abençoado. Devido alguns contratempos chegamos mais tarde do que o previsto e tivemos que montar a barraca a noite já, demorou um pouco mais por conta disso. O camping no Açu é bem amplo, mas o ideal é chegar o mais cedo possível para encontrar um local melhor para montar sua barraca.


Castelos do Açu - Foto: Roberto Bessa
     A noite até que não estava tão fria, segundo o rapaz do abrigo foi 8° positivo, somente o vento que soprava à noite que fazia com que parecesse mais frio. Dentro da barraca estava bem quentinho porque ficamos protegidos do vento. Acordamos por volta das 5:30 da manhã para ver o maior espetáculo de lá, o nascer do sol. 


     O nascer do sol deu um espetáculo à parte, e vale muito a pena levantar esse horário para conferir ele. Eu conferi ele na parte de baixo próximo aos castelos, mas o pessoal vai lá em cima ver (não pude pois minha perna não é mais como antes), mesmo de baixo o visual foi incrível, o mar de nuvens ainda completou o visual. Bom, acho que vou deixar para vocês verem nas fotos né (rsrsrsrs).


Foto: Roberto Bessa
     Mesmo não conseguindo realizar a travessia, curtimos bem, nossa volta foi tranquila e por sinal bem mais rápida porque aliviamos os pesos e reorganizamos nossas mochilas. Não tenho como não agradecer um amigo que fizemos na trilha, o André, ele foi um anjo enviado por Deus para que a gente pudesse ter terminado a subida, então fica aqui o nosso muito obrigado! 


     Bom gente, aconselho a quem não acampou no Açu, faça! Você vai se amarrar muito, curtir muito, aproveitar muito! Espero que tenham gostado do relato e espero vocês na próxima ok! Um fortíssimo abraço!

Nascer do sol visto do Açu - Foto: Roberto Bessa
 

Castelos do Açu - Foto: Roberto Bessa

Agulha Itacolomi e pedra mãe, mas de nuvens em volta
Foto: Roberto Bessa

Cruzeiro - Foto: Inês Loos

Foto: Inês Loos

Cruzeiro - Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Ernani Dias


Pedra do queijo - Foto: Ernani Dias

Ajax - Foto: Roberto Bessa

Foto: Ernani Dias

Foto: Roberto Bessa

Antigo abrigo nas pedras - Foto: Inês Loos

Foto: Inês Loos

Agradecimento ao amigo André, valeu! 

Visite:

Curta nossa página!

Parceria: 







terça-feira, 22 de agosto de 2017

Review do Estojo de cintura Enduro 99 Trilhas & Rumos

Um facilitador para que você tenha itens importantes à mão sempre:

Estojo Enduro 99 Trilhas & Rumos - Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa
     Quando você faz uma trilha longa, caminhada ou até uma viagem provavelmente você já sentiu falta de ter alguns itens à mão como lanternas, canivetes, documentos ou até um lanchinho rápido né? As vezes todos esses itens estão na sua mochila e você acaba protelando pegar algo só porque não quer tirar a mochila não é? Pois é, acontecia bastante comigo e por isso resolvi adquirir um estojo de cintura, ou pochete. O modelo que havia escolhido era o Flash Pró da Trilhas & Rumos, porém não tinha no estoque e eu precisava usar acabei optando pelo estojo Enduro 99 e fiquei bem satisfeito!

Foto: Roberto Bessa
    Externamente o estojo conta com 7 bolsos, isso mesmo 7 bolsos. Um bolso frontal do tipo chapado, dois bolsos laterais bem pequenos para itens como remédios, pilhas e etc, o bolso principal que é bem amplo (e ainda tem um bolso interno), um bolso na tampa ideal para cadernos de anotação, bússola e mapas, e mais dois bolsos superiores de tamanho razoável, ideal para dinheiro e documentos.


Foto: Roberto Bessa
     O costado do estojo é acolchoado e com tecido respirável, a alça é de fita de aproximadamente 5 Cm de largura e ajustável. O sistema de ajuste é bem interessante pois é bem seguro e não corre o risco de afrouxar com o peso. Ainda conta com umas fitas de compressão para quando o estojo estiver mais vazio você poder ajustar para que nada fique solto dentro do bolso principal, ele é em forma de "V" e ajusta legal a carga dentro do estojo.


Foto: Roberto Bessa
     No geral, é um estojo que gostei bastante, recomendo para trilhas mais longas, caminhadas puxadas e até para quem gosta de passear de moto e precisa de ter documentos, dinheiro e outras coisas à mão. Sempre falo aqui quando faço review de equipamentos que não estou fazendo propaganda da firma "A" ou "B", simplesmente falo do que eu conheço, de marca que já estou acostumado à comprar, como todos os produtos aqui são comprados eu gasto com que eu sei que vou usar e vai me atender muito bem, e por isso não falo de marcas que não conheço e não estou acostumado à comprar, porém deixo aqui aberto para que outras marcas possam enviar produtos para que eu possa fazer review e estar apresentando ao nosso público! Grato pela audiência de vocês, até a próxima! Boas aventuras!!!



Interior do estojo - Foto: Roberto Bessa

Ficha técnica (*):

Capacidade: 2 litros
Comprimento: 26 cm
Largura: 13 cm
Altura: 12
Peso: 0500 kg
* Informações do site da Trilhas & Rumos.

Vídeo:


Colaboradores:






domingo, 6 de agosto de 2017

Alto Ventania

Regressamos a montanha com o visual incrível:

Foto: Roberto Bessa
Foto: Inês Loos
     Dessa vez tentamos novamente tirar o por do sol do Alto Ventania, mas novamente o tempo não nos permitiu, um forte nevoeiro tomou conta da montanha e a vista ficou comprometida, outras pessoas teriam desistido e ido em bora, mas somos teimosos e ficamos. Ainda bem!


     Parecia maluquice ficar, pois esfriou bastante e o céu ainda encoberto e além de tudo escurecendo, mas a magia aconteceu bem depois, a Lua veio nos encontrar e trouxe com ela as estrelas fazendo valer o ditado "quem espera sempre alcança!" Alcançamos mesmo!


     Não tivemos o por do sol como queríamos, mas tivemos fotos com as estrelas e foi uma das melhores vistas de estrelas que eu já tive. Bom, valeu muito nossa ida ao ventania, vou deixar o link aqui da nossa primeira ida lá para você conhecer o caminho (clique aqui) e vou deixar o wikiloc de lá para você acompanhar pelo GPS do Celular (clique aqui). Bom pessoal, até a próxima, boa aventura!

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

A Lua chegou! Foto: Roberto Bessa

Meio tremida mas valendo! - Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Inês Loos

 Siga a gente em:

Visite e acompanhe nosso Instagran, clique aqui!

 Colaboradores e apoiadores:


terça-feira, 1 de agosto de 2017

Como arrumar a mochila para viagens de 3 dias

Para pequenas viagens uma mochila de 38 litros resolve bem:

Foto: Roberto Bessa
     Recebi recentemente um e-mail de uma internauta com uma dúvida, como eu arrumo uma mochila para uma pequena viagem de 2 a 3 dias? Então para ajudar essa leitora e a muitos que tem essa mesma dúvida, fiz um vídeo explicando e mostrando como eu arrumaria minha mochila para uma viagem desse porte. 

     Mochilas desse porte requer atenção para que nada seja esquecido, muita atenção para itens indispensáveis como kit de primeiros socorros, remédios, e agasalhos ok!

Foto: Roberto Bessa
    Eu já cheguei a fazer uma viagem pequena assim e minha mochila (Crampon 38 Trilhas e Rumos) deu conta, não tenho mais usado ela para esse tipo de coisa, pois carrego o equipamento de fotografia e filmagem então acaba ficando pequena, mas para alguém que só vai curtir uns dias fora ela é mais do que suficiente.

     Uma coisa que sempre deve-se ter em mente é não esquecer de nenhum item dos 10 pilares que falei no outro blog (vide aqui), pois são itens essenciais para qualquer pessoa que realize atividades ao ar livre, e viajar é uma delas! No mais espero ter ajudado em algo, e espero que você possa se divertir ao máximo em sua viagem! Abraços, até a próxima!


Foto: Roberto Bessa

Vídeo:


Apoio Cultural: 


Seja parceiro do nosso blog também!

Conheça:

Confira aqui!

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Pedra do Retiro

Fomos brindados com belíssimas imagens:

Foto: Roberto Bessa
Foto: Roberto Bessa
    Voltamos na Pedra do Retiro (clique aqui para saber como se chega), o tempo estava lindo e tivemos a sorte de ver o sol aparecendo por trás das montanhas e logo em seguida um nevoeiro foi subindo e tomando conta da paisagem. Parecia que não íamos conseguir ver nada, mas na verdade a imagem formada pelas montanhas e as nuvens abaixo de nós, foi muito lindo!



Foto: Roberto Bessa
   Subimos bem devagar mas deu para render bem pois não estava muito calor, levamos aproximadamente uns 40 minutos até o primeiro plator, paramos para fazer um lanche, tomar uma água e ver o sol nascer por trás da pedra do Retiro. Arrumamos as coisas e seguimos, até a clareira, a trilha estava bem tranquila, mas um trecho após a clareira estava bem fechado a trilha, não precisamos bater facão, mas foi um pouco mais lento nosso avanço à partir desse ponto.


Foto: Roberto Bessa
     Antes de chegar no segundo plator, paramos na pedra para um rápido descanso e logo seguimos, passamos direto pelo segundo plator (não havia vista para ver por conta das nuvens), seguimos para o terceiro plator onde fizemos mais uma parada para mais um lanchinho rápido e hidratar. Quando a gente já estava se preparando para subir, o céu se abriu e as nuvens ficaram por baixo da gente, a visão foi linda demais!

     A partir desse ponto pegamos muito sol no lombo (rsrsrs), o céu se abriu cada vez mais e as nuvens abaixo da gente rendeu belas fotos, depois elas foram se dissipando e a paisagem voltou ao "normal", mas ainda assim muito lindo! Só posso dizer que valeu muito a pena! Super recomendo!!! Boa trilha e até a próxima!!! (Confira o wikiloc dessa trilha, o link está depois das fotos).

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa

Foto: Inês Loos

Foto: Inês Loos

Foto: Roberto Bessa

Foto: Inês Loos

Foto: Roberto Bessa

Foto: Roberto Bessa


Visite:


Apoiadores:

Seja um apoiador de nosso blog!